Flash Forward – S01 (2009)

Flash Forward S01 (2009)

Já falei aqui sobre Flash Forward, mas agora volto para dar minha opinião final sobre esta Primeira Temporada.  Repito que Flash Forward é uma série de ficção científica lançada pela ABC em 2009, e foi baseada no livro homônimo de Robert J. Sawyer. Uma série intrigante e inteligente, cheia de mistérios e “coincidências”, lembrando Lost neste aspecto e no tema principal: viagem no tempo e a possibilidade ou não de alterarmos o destino…

Atenção: Não revelo nenhum detalhe importante da série no texto abaixo, mas para aqueles como eu, que gostam de curtir toda e qualquer surpresa, sugiro que leiam somente após já terem visto a série.

Em 6 de outubro de 2009, o planeta sofreu um blecaute por 2 minutos e 17 segundos. Todo ser humano “desmaiou” neste momento causando um caos: quedas de aviões, acidentes de carros, afogamentos, etc. E todos puderam ver, ou viver, seus futuros seis meses à frente. Tem como personagem foco um agente do FBI chamado Mark Benford, interpretado por Joseph Fiennes, que após ter visto em seu flash um painel cheio de pistas relacionadas ao caso Mosaico, se encarrega de conduzir a investigação para descobrir a causa e os responsáveis pelo blecaute. Ao seu lado, os agentes Demetri Noh (John Cho) e Janis Hawk (Christine Woods) ajudam na investigação e são atormentados pelas suas visões de formas completamente distintas: Um faz de tudo para que sua visão seja realmente concretizada, enquanto o outro luta para evitar aquilo que viu (ou não viu).

. 



O enredo conta também com flashbacks nos quais voltamos dias, meses e até anos antes do evento que revolucionou a forma de vida das pessoas que, seja buscando concretizar suas visões ou tentando evitá-las, vêem suas vidas aprisionadas ao dia 29 de abril de 2010. Personagens secundários mas ligados de alguma forma à trama trazem o lado conto-de-fadas para a série, e passam os meses buscando rostos desconhecidos mas estranhamente íntimos durante o flashforward.

Atores já conhecidos como Sonya Walger e Dominic Monaghan que interpretaram Penelope Widmore e o roqueiro Charlie Pace, ambos em Lost, ganham agora mais destaque e passam a representar importantes personagens neste quebra-cabeça que é Flash Forward.

A série nos faz pensar e analisar com mais calma nossas preocupações com o futuro. Presos ao que pode acontecer, muitos deixam de viver o presente e passam a viver obcecadas pelo amanhã incerto, buscando fins que justificam os meios e fazendo de seus objetivos a sua razão de vida, algo perigoso e que certamente não garante a felicidade de ninguém.

Com muita ação, ciência pura e muitas reviravoltas, Flash Forward é sem dúvida uma das grandes séries da atualidade. É mais direto que Lost na solução de mistérios e tem a mesma capacidade de prender-nos ao final de cada episódio. E, falando em final, os últimos segundos do último episódio, que conta exatamente a história do dia mais esperado por todos, o dia 29 de abril de 2010, nos deixa incrivelmente ansiosos para o reinício desta série.

Lista de episódios:

1 – Sem Mais Dias Felizes
2 – Jogo Limpo
3 – 137 Segundos
4 – Cisne Negro
5 – De Me a Verdade
6 – Filmes de Monstros Assustadores
7 – O Presente
8 – Jogando Cartas Com Coiotes
9 – Acreditar
10 – A561984
11 – Revelação Zero – Parte 1
12 – Revelação Zero – Parte 2
13 – Golpe de Volta
14 – Melhores Anjos
15 – Sacrifício da Rainha
16 – Que Nenhum Homem Separe
17 – O Jardim das Escolhas Divergentes
18 – Adeus Estrada de Tijolos Amarelo
19 – Correção de Curso
20 – A Negociação
21 – Contagem Regressiva
22 – O Choque do Futuro

É sem dúvida uma Série Obrigatória, principalmente para aqueles que ficaram órfãos após o término de Lost.

[…extremamente decepcionado…] Acabei de escrever e fui pesquisar imagens para este post quando soube que a série foi cancelada pela ABC pela falta de audiência nos EUA… Não consigo acreditar que uma série tão bem produzida, escrita e articulada possa ser cancelada assim. E pior, por que uma série como essa atraiu pouca audiência? Infelizmente, nem tudo é compreensível… De qualquer forma, alguns ainda tentam chamar a atenção para salvar a série: Vejam aqui vídeos de várias partes do mundo em que as pessoas simulam o blecaute. Espero que consigam!

De qualquer forma, minha salvação será o livro que deu origem à série. Espero ter respostas lá…

Leitores, mãos a obra. A Ilha de Lost é toda sua…
Thiago Barrionuevo

.
.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s